logo_desktop
CONHEÇA O GRUPO O Grupo
  • Acessibilidade
  • A
  • A
  • A
  • Portal Educacional
Portal Educacional

O que está procurando?

Buscar

Conheça o grupo

Faça o Login

Usuário
Senha

A Zootecnia e o avanço da produção animal em Rondônia

14/12/2020 às 15h32min

 

Rondônia está entre os seis estados com maiores rebanhos bovinos do país, com mais de 14,3 milhões de cabeças. Esse crescimento do estado é uma ótima notícia para quem deseja cursar Zootecnia e trabalhar na área de melhoramento genético, nutrição e alimentação, produtividade e rentabilidade na criação de animais, planejamento e administração rural, pesquisa, entre outros.

O crescimento do mercado bovino eleva a procura pelo profissional, que pode atuar na indústria de nutrição animal, mas não é só isso. O zootecnista atua em toda a cadeia produtiva animal, desde coordenar a criação de rebanhos bovinos, ovinos, caprinos, suínos, aves e equinos à gestão e o planejamento agropecuário, o que inclui aspectos técnicos, como o projeto de pastagens.

“A zootecnia é uma profissão muito importante e que cresce em larga escala no estado de Rondônia, dado ao desenvolvimento pecuário que o estado possui, mas não se pode esquecer que também temos um grande avanço na criação de ovinos e caprinos, além da produção agrícola”, avalia a zootecnista, Dra. Carla Cristina, professora do Centro Universitário Aparício Carvalho-Fimca.

O zootecnista está em alta nas indústrias alimentícias, atentas à qualidade de seus produtos de origem animal ao longo da cadeia produtiva. Isso faz com que o profissional tenha um amplo mercado de trabalho em todo o país. Ele é responsável pelo aumento e melhoria da produção e da qualidade dos produtos e serviços de origem animal, garantindo a segurança alimentar, respeitando a sustentabilidade da produção.

Para se tornar um profissional da área é necessário cursar 5 anos de graduação em Zootecnia e estar devidamente registrado no Conselho de classe.

 

 

Fonte: Ascom

Deixe o Seu Comentário

Publicações relacionadas