logo_desktop
CONHEÇA O GRUPO O Grupo
  • Acessibilidade
  • A
  • A
  • A
  • Portal Educacional
Portal Educacional

O que está procurando?

Buscar

Conheça o grupo

Faça o Login

Usuário
Senha

Dia do Médico

17/10/2020 às 11h08min

No Dia do Médico, homenageamos todos os profissionais que enfrentam uma batalha diária para salvar vidas, professores e acadêmicos de medicina. Conversamos com a Professora Dra. Maria da Conceição Ribeiro Simões, coordenadora do curso de Medicina do Centro Universitário Aparício Carvalho -Fimca que nos contou um pouco sobre a profissão.

Filha única do casal Edenir Ribeiro Simões e Milton de Nazaré Simões, Dra. Conceição nasceu em Boa Vista-RR, no dia de N. Sra.da Conceição (08/12). Aos 7 anos de idade mudou-se com a família para Manaus–AM, onde estudou até o ensino superior. Em seguida mudou para Porto Velho-RO, onde construiu sua carreira profissional.

Mestre e Doutora em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília (UnB), Conceição é especialista em Ginecologia e Obstetrícia titulada pela Federação Brasileira em Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO), em Administração dos Serviços de Saúde (Saúde Pública e Administração Hospitalar) pela UNAERP (Ribeirão Preto), Medicina do Trabalho pela Universidade São Francisco, Medicina da Família pela UNIR e Preceptoria Médica pela ABEM. Possui experiência na área de medicina-clínica, com ênfase em Saúde da Mulher: Ginecologia e Obstetrícia e Saúde Materno-Infantil. 

Centro Universitário: Porque escolheu Medicina? Sempre sonhou em ser médica?

Conceição: A medicina já nasceu comigo. Desde minha infância sonhava em crescer e ser médica, já tinha nas bonecas as minhas pacientes. Sempre muito adiantada nos meus estudos, conclui o 2º grau com 15 anos, e em dezembro completei 16 anos e fui aprovada no vestibular de medicina da Universidade Federal do Amazonas (UA), passando em 4º lugar de 80 vagas.

Centro Universitário: Como iniciou sua carreira profissional?

Conceição: Formei com 21 anos, casei (manhã) e colei grau a (noite) do mesmo dia. Mudei para Porto Velho porque meu primeiro marido já trabalhava aqui.  Iniciei como médica trabalhando no município de Porto Velho, no Centro de Saúde Alfredo Silva, e logo depois fui contratada pelo estado e comecei a trabalhar no Centro Obstétrico do Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro como ginecologista-obstetra. Trabalhei no município de Porto Velho como médica da família em equipes de saúde ruralAqui.

Centro Universitário: Você está realizada na sua área de atuação?

Conceição: Sim, muito. Hoje me dedico a formar especialistas em Ginecologia e Obstetrícia, através dos Programas de Residência Médica e a formar médicos de excelência no Curso de graduação do Centro Universitário Aparício Carvalho – FIMCA.

Centro Universitário: Uma mensagem para os acadêmicos de medicina.

Conceição: A medicina tem que ser escolhida por amor e dedicação ao próximo. Não deve ser vista apenas como status. O médico tem que estar em eterno aperfeiçoamento.

 

Fonte: Ascom

Deixe o Seu Comentário

Publicações relacionadas